" Ide por todo o mundo e pregai o evangelho
          Marcos 16:15
Jesuseapalavra.com
Copyright©Todos os Direitos Reservados 2007-2018 Jesuseapalavra.com
Marcos 16:15
Revistas
Infecção Urinária
    Quando uma mulher jovem vem ao consultório com infecção urinária,em geral,junto com ela vem uma ansiedade imensa.Quase sempre a ansiedade é porque alguém disse que,se ela não se tratar,vai perder o rim e vai acabar na hemodilise.Depois da entrevista e do exame físico,a minha primeira frase é:"Olha,esse tipo de infecçâo urinária,depois dos cinco anos de idade,não estraga o rim!"
    A infecção urninária é a mais comum de todas as infecções bacterianas.Aos 32 anos de idade,cerca de metade das mulheres já tiveram pelo menos uma infecção urinária.
    Entre a primeira infância e os cinquenta anos,as infecções urinárias são propriedade quase exclusiva das mulheres.Os homens são mais protegidos pela uretra mais longa.Nas mulheres,além de a uretra ser mais curta,existe o contato,quase direto,da uretra com os germes da vagina e do intestino.
    Quase todas as infecções urinárias são cistites e ficam só na bexiga.Não sobem para os rins.As queixas mais comuns podem ser:ardência e dor para urinar,dor na bexiga,vontade de urinar a todo instante e urinar apenas algumas gotas,às vezes com sangue.Isso incomoda muito,mas não tem maiores consequências,mesmo quando não for tratada!
    O médico pode tratar as cistites com antibióticos,mas o maior objetivo do tratamento é aliviar os sintomas.Frequentemente,as mulheres têm infecção da bexiga e nem percebem.Essas infecções assintomáticas a gente não trata mais.
    Às vezes,a mulher faz tratamento,e mesmo assim não melhora.Acontece que os mesmo sintomas da cistite podem ser causados por infecções genecológicas,ou por um cálculo passando pelo ureter,ou por coisas mais complicadas,como a bexiga irritável.Por isso,se as coisas não se resolvem conforme o esperado,vale a pena voltar ao especialista.
    Depois da primeira cistite,25% das mulheres jovens têm outra cistite nos próximos seis meses.Quando se faz a cultura da urina,a bactéria culpada é quase sempre a Escherichia coli.Assim,podemos ter a impressão de que a bactéria da infecção anterior não morreu,mas,na maioria das vezes,uma nova cistite é causada por uma nova Escherichia e não pela permanência da bactéria antiga.
    Pielonefrite aguda é a infecção urinária que sobe até o rim causando sintomas mais severos,como febre,mal estar,dor lombar,náuseas e vômitos.As pielonefrites devem ser tratadas pelo médico com bons antibióticos,às vezes com a paciente internada.A medicina ainda não sabe exatamente  porque as infecções urinárias deixam de ser cistites e viram pielonefrites,mas,com certeza,nesses casos,houve algum fator que diminuiu bastante o eficiente sistema de defesa do organismo.
O que faz algumas mulheres terem muitas infecções urinárias ao longo do ano?
    Ainda não temos uma boa explicação para isso.
    Quando uma mulher vem ao consultório com o marido,eu digo que o grande culpado pela infecção urinária de repetição está ao lado dela.O maior causador de infecções urinárias é o relacionamento sexual.Mas como é que um médico vai dizer que tem que parar de ter relação sexual?No máximo,a gente recomenda que diminua um pouco a frequência!
    Outros fatores que estão relacionados com infecções mais frequentes:já ter tido infecção urinária;predisposição genética;ter uma ou mais mulheres na família,em primeiro grau,que apresentam infecção urinária;trocar de parceiro sexual.
    Nenhum estudo conseguiu provar que esvaziar a bexiga logo antes ou logo após a relação sexual,tomar bastante água,esvaziar a bexiga com maior frequência,o modo de fazer a higiene anal,o uso de absorventes,o uso de ducha higiênica,calcinha apertada ou o excesso de peso tenham alguma influência no aparecimento das infecções urinárias.Mesmo assim,como a maioria desses fatores têm lógica e corrigi-los não traz nenhum prejuízo,vale a pena tentar resolver cada um deles.


    Dr. Helnio Judson Nogueira Medicina Interna e Nefrologia
Eu Mulher 2