Jesuseapalavra.com
" Ide por todo o mundo
e pregai o evangelho."
                 Marcos 16:15
Copyright©Todos os Direitos Reservados 2007-2017 Jesuseapalavra.com
Inspiração Juvenil
11 de Setembro Segunda-feira
Viúva

Nessa cidade morava uma viúva que sempre procurava para pedir justiçam,dizendo:"Ajude-me e julgue o meu caso contra o meu adversário!" Lucas 18:3

O versículo de hoje é parte de uma parábola que Jesus contou sobre uma viúva que precisava não apenas que sua causa fosse julgada,mas que seu direito fosse respeitado.O texto não dá muitos detalhes sobre o motivo da queixa da viúva,mas revela que um adversário dela a habia prejudicado.É possível que depois do falecimento do marido,algum espertalhão tenha se apropriado das posses da mulher e a deixado na miséria.
O juiz da cidade é descrito como mau.ele não estava interessado em atender viúvas pobres,que não tinham como suborná-lo.Sem advogado,dinheiro e respeito de ninguém,só restava a essa pobre mulher ir,com insistência,todos os dias ao tribunal e constranger o juiz até que ele resolvesse julgar o caso dela.
Depois de tanta insistência da mulher,o juiz entregou os pontos:"Éverdade que eu não temo a Deus e também não respeito ninguém.Porém,como esta viúva continua me aborrecendo,vou dar a sentença a favor dele.Se eu não fizer isso,ela não vai para de vir me amolar até acabar comigo" (Lucas 18:4,5).O juiz revelou o motivo de atender ao pedido da mulher;sua implacável insistência.
Jesus compara essa viúva com o tipo de gente que vai estar preparada para seu retorno.Indignados com o adversário e com as injustiças do pecado,os cristãos adentram a sala do tribunal divino e insistem,desesperados,para que sua causa seja julgada.Do mesmo modo que a viúva,esse tipo de gente reconhece que a justiça de Jesus é tudo aquilo de que realmente precisam.
Sem ter como conquistá-la por si mesmos,só lhes resta clamar para que o Juiz divino atenda a seu clamor.Jesus então compara:"Prestem atenção naquilo que aquele juiz desonesto disse.Será então,que Deus não vai fazer justiça a favor do seu próprio povo,que grita por socorro dia e noite?Será que Ele vai demorar para ajudá-lo?Eu afirmo a vocês que Ele julgará a favor do seu povo e fará isso bem depressa" (Lucas 18:6-8).
Se,pela insistência de uma viúva,até mesmo um juiz mau é capaz de dar uma sentença justa,saiba que Deus,o juiz justo e amoroso,está ansioso por atender seu pedido.Para quem anda indignado com as injustiças de Satanás,nosso adversário,que a todo tempo trabalha para nos separar de Deus e da vida eterna,resta o clamor pela justiça divina.Se você fizer isso hoje de forma intensa,como a viúva,o Pai vai lhe dar ganho de causa bem depressa.
Marcos 16:15