" Ide por todo o mundo e pregai o evangelho
          Marcos 16:15
Jesuseapalavra.com
Copyright©Todos os Direitos Reservados 2007-2018 Jesuseapalavra.com
Marcos 16:15
13 de Dezembro Quinta-feira
A roupa do pensamento

Porque a boca fala do que está cheio o coração. Mateus 12:34

As pessoas constumam associar "roupa" e "vestuário" à moda.No entanto,o famoso escritor e lexicógrafo inglês Samuel Johnson (1709-1784),falecido em 13 de dezembro de 1784,sugeriu inteligentemente que a "linguagem é a roupa do pensamento".O autor parece subentender que a linguagem é uma forma de decoração,a maneira de adornar os pensamentos.Assim como existe uma ampla variedade de tecidos,há também incontáveis formas de expressar nossos pensamentos,algumas mais atraentes e precisas do que outras.
Geralmente,a linguagem é uma forma eficaz de revelar quem somos.Quando Jesus declarou que "boca fala do que está cheio o coração"(Mt 12:34),sugeriu que a maneira e o conteúdo de nossa fala comunicam aos outros muito daquilo que somos.De fato,refletem nossos sentimentos e emoções inferiores,nossas pioridades e nossos desejos.Conforme Mathias Tualima Tunai disse,"julgar os outros não define quem eles são,mas quem você é".
Muitas vezes,a linguagem é usada para acobertar e distorcer a realidade.Em Mateus 23,Jesus contrastou os discursos morais dos escribas e fariseus com a imoralidade pessoal que escondiam.Otto Von Bismarck (1815-1898),fundador e primeiro chanceler do Império Alemão,afirmou:"Sem dúvida,nosso mundo seria um paraíso se os políticos em exercício cumprissem as promessas que fizeram durante o período eleitoral!
A repetição de uma mentira exerce uma grande influência negativa não só sobre os outros,mas especialmente sobre o próprio mentiroso.Recebemos a advertência de que "as palavras são mais do que um indício do caráter;têm poder de reagir sobre o caráter.Os homens são influenciados por suas próprias palavras. [...] Uma vez tendo expressado uma opinião ou decisão,são muitas vezes demasiado orgulhosos para se retratar e tentam provar acharem-se com a razão,até que chegam a crer ser realmente assim" (O Desejado de Todas as Nações, p. 323).
Que bênção se nos preocupássemos mais com o que falamos acerca dos outros do que com aquilo que os outros dizem a nosso respeito.Lembre-se de que as palavras têm poder para destruir as pessoas ou salvá-las;acabar com sua reputação ou erguê-la.
Senhor,ajuda-me a falar com os outros com a mesma bondade que gostaria que se diregissem a mim!
Meditação Matinal